Namorada confessa que matou empresário a tiros no Maranhão

A Polícia Civil de Açailândia, por meio da 9ª Delegacia Regional, tendo à frente o delegado regional Alex Coelho, além do investigador Wallace Costa, elucidou o crime de que foi vítima o empresário Kleyton Rodrigues, ocorrido em Cidelândia, a 60 km de Imperatriz. Ele, que tinha 34 anos, foi encontrado morto em sua casa no último dia 7.

A acusada é a namorada do empresário, Vanessa Sousa, que confessou a autoria do crime. Em depoimento, Vanessa Conceição de Sousa, 18 anos, confessou a autoria dos disparos que tiraram a vida de Kleyton Rodrigues.

Logo após confessar o crime, Vanessa, que já estava com prisão temporária de 30 dias decretada, foi transferida para a Unidade Prisional de Ressocialização de Davinópolis (UPRD), onde se encontra à disposição da justiça.

O inquérito que foi aberto para apurar o crime será concluído em dez dias, tendo em vista que a autora do crime está presa. Quando o inquérito for enviado à justiça, o delegado Alex Coelho enviará também representação pela prisão preventiva da suspeita.

O CRIME

O empresário Kleyton Rodrigues, que tinha um depósito de bebidas em Cidelândia, distante 60 km de Imperatriz, foi encontrado morto em sua residência no dia 7 de janeiro, com duas armas de fogo em volta do corpo, e estava envolto em muito sangue.

De acordo com informações, foram cinco perfurações. A princípio, chegou-se a pensar que o empresário teria se suicidado, mas logo essa hipótese foi afastada. Kleyton Rodrigues foi mesmo assassinado pela namorada, cuja motivação teria sido ciúmes.

(Com informações do Jornal O Progresso)

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*