Mulher tem reação alérgica após fazer sexo com o marido e quase morre

Uma norte-americana de 46 anos sofreu uma severa crise alérgica depois de fazer sexo sem proteção com o marido. Cerca de uma hora depois do ato, ela

Após ter relações sexuais com seu marido, uma mulher começou a passar mal e sofreu uma crise alérgica que quase a matou. Por volta de uma hora após o ato (sem preservativo) a norte-americana de 46 ano começou a sentir os sintomas alérgicos.

A mulher começou a ficar tonta e a suar exageradamente. Também apareceram plaquetas vermelhas pelo corpo. Pouco tempo depois, os sintomas pioraram. Uma coceira incessante e diarreia, fez seu marido leva-lá à emergência médica do Hospital Sinai, de Baltimore, nos Estados Unidos.

A primeira suspeita de diagnóstico dos médicos era uma sepse – espécie de pane no organismo provocada pelo próprio corpo ao tentar combater um vírus ou bactéria. Exames, posteriores, no entanto, não encontraram agentes infecciosos no corpo dela.

Pouco depois, ao conversar com o marido da paciente, os médicos descobriram que ele estava tomando um remédio a base de penicilina para tratar uma infecção cardíaca. Por ser alérgica ao medicamento, a mulher teve um choque anafilático ao entrar em contato com a substância presente no sêmen do marido. jornaldebrasilia

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*