14 deputados maranhenses votaram a favor da reforma da Previdência; 4 votaram contra

A Reforma da Previdência foi aprovada, em primeiro turno, por 379 votos a 131 nesta quarta-feira (10). Uma vitória do governo Bolsonaro que recorreu à liberação de emendas parlamentares, o que se configura em ‘compra’ de votos, no velho conhecido toma-lá-dá-cá. O valor liberado poderá chegar a R$ 5,6 bilhões.

Dos 18 deputados federais maranhenses, quatro votaram contra o texto-base da Reforma da Previdência e a favor dos mais pobres: Bira do Pindaré (PSB), Eduardo Braide (PMN), Márcio Jerry (PCdoB) e Zé Carlos (PT).

Votaram favoráveis ao texto que desmonta a Previdência: Aluísio Mendes (Pode), André Fufuca (PP), Cleber Verde (PRB), Edilázio Júnior (PSD), Gastão Vieira (PROS), Gil Cutrim (PDT), Hildo Rocha (MDB), João Marcelo Souza (MDB), Josimar de Maranhãozinho (PL), Júnior Lourenço (PL), Juscelino Filho (DEM), Marreca Filho (Patriota), Pastor Gildenemyr (PL) e Pedro Lucas Fernandes (PTB) foram favoráveis ao texto.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.