Quadrilha de travestis é presa após extorquir homens casados

Um jovem de 21 anos foi preso no aeroporto de Guarulhos, na Grande São Paulo, acusado de chefiar uma quadrilha de travestis que extorquia homens casados no Distrito Federal. Samuel Junio Napoli de Souza era considerado foragido e estava no Chile, até que os policiais identificaram o voo dele de volta para o Brasil e o prenderam no momento em que ele passava pela imigração.Na semana passada, três travestis e dois homens, que também faziam parte da quadrilha, foram presos em Goiânia e em São Paulo.

De acordo com a polícia, os criminosos se encontravam com as vítimas, geralmente homens casados, as agrediam e depois exigiam dinheiro para não divulgarem as imagens do encontro. Ainda segundo os agentes, o valor extorquido por eles variava entre 10 a 15 mil reais.

Para realizar o pagamento, algumas pessoas chegavam a fazer empréstimos, transferências bancárias. O grupo também tinha máquina de cartão de crédito.

Imagens de câmeras de segurança de um hotel, na região central de Brasília, registrou a ação da quadrilha, que agia há cerca de quatro meses na cidade e o alvo deles seria o público LGBT.

(Fonte: Farol da Bahia)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.