‘O Sétimo Guardião’: Judith morre após confessar que é a assassina

Judith (Isabela Garcia) vai surtar ao perceber que Gabriel (Bruno Gagliasso) pegou o chá que ela preparou para o Padre Eurico (Aílton Graça). Ela dá um tapa na mão do rapaz e derruba a xícara para impedir que ele tome a bebida no lugar do padre. Ela, então, promete fazer outro chá e vai para a cozinha.
No dia seguinte, Judith se depara com Gabriel, Valentina (Lilia Cabral) e Murilo (Eduardo Moscovis). Gabriel pergunta porque ela não preparou outro chá. “O seu…. eu tomei. Seu pai me mandou fazer isso, assim como mandou matar vocês todos”, informa a governanta, para espanto de Gabriel.
“Você está confessando que… Matou os cinco guardiães?”, pergunta o guardião-mor. “A ideia era matar os sete. Mas sobraram dois. Eu fracassei… E fui punida por isso”, responde Judith.
Valentina promete que não vai descansar até colocá-la na cadeia. No entanto, Judith conta que tem pouco tempo de vida e garante que vai responder a todas as dúvidas antes de morrer. “Egídio mandou matar os guardiães?”, pergunta Murilo.
“No dia em que invadiram o casarão. Vocês não conseguiram manter o segredo da fonte e tinham que morrer por causa disso”, explica a governanta. A empresária diz que Judith só está querendo ganhar tempo para fugir. Mas, no meio da conversa, eles escutam a voz de Murilo (Dan Stulbach) do lado de fora da casa.
“Olavo está aqui fora pra invadir de novo o casarão, quer furar um buraco na gruta até chegar na água!”, avisa. Desesperado, o trio deixa Judith para ver o que está acontecendo. “Protejam a água”, diz a governanta, após começar a tossir.

De o gshow

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.