Mãe de trigêmeas tem R$ 2 bilhões depositados em sua conta por engano

Imagina ter, do nada, mais de R$ 2 bilhões depositados na sua conta? Foi isso o que aconteceu com a moradora de Anápolis, em Goiás, Leizimar Silva Triers, de 35 anos, mãe de quatro meninas, sendo três trigêmeas de um ano. Ela disse não ter tido dúvida em procurar a Caixa Econômica Federal para devolver o dinheiro. As informações são do G1.

Leizimar mora com o esposo Mailton e as quatro filhas. Rayssa, de 14 anos, e as trigêmeas Kaylane, Yasmim, Maria Alice, que vieram de uma gestação natural. Todos vivem, segundo ela, com uma renda mensal de R$ 1.500, que vem do emprego do marido.

“Mesmo a gente passando por certa dificuldade, porque cuidar de trigêmeos fica puxado com fraldas e outros gastos, nós preferimos nossa consciência tranquila”, afirmou Leizimar, ressaltando que a conta bancária voltou a ficar no vermelho.

A história começou no dia 11 de abril, quando Leizimar foi consultar o seu extrato bancário no aplicativo do seu banco no celular e viu que tinha saído do saldo negativo de R$ 470 para R$ 2,28 bilhões. “Eu fiquei surpresa demais. O lançamento foi feito no dia 11, mas eu notei no dia 13, era um sábado, e então esperei chegar segunda-feira para procurar a gerente do meu banco para entender o que tinha acontecido”, contou.

De acordo com Leizimar, a gerente informou que foi um erro no sistema e que ela poderia ter que responder de alguma forma caso tivesse usado o dinheiro. Recentemente um caso de depósito por engano foi parar na polícia. Um empresário recebeu indevidamente R$ 18 milhões, em Goiânia, e tentou usar o dinheiro comprando um porsche.

“Não precisava nem do alerta dela. Eu jamais usaria um dinheiro que não era meu, tanto que tive três dias e não mexi. A gente não perde nunca quando é honesto. Vou poder contar para as minhas filhas que a mãe delas recebeu um dinheirão e devolveu. A mudança começa dentro de casa”, disse.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.